Embaixada de Portugal em Moçambique

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Mauro Brito lança o livro “O Luminoso Voo das Palavras” 21 maio | 16h00 Biblioteca do Camões – Centro Cultural Português em Maputo

CartazMauroBrito

O escritor moçambicano Mauro Brito lança, na próxima terça-feira, 21 de Maio, a sua segunda obra infanto-juvenil. Trata-se da coletânea de poesia intitulada “O Luminoso Vôo das Palavras”, que terá a apresentação da escritora e pianista Melita Matsinhe.


A cerimónia de lançamento que está marcada para 16h00, na Biblioteca do Camões – Centro Cultural Português, será parte das atividades literárias e de pintura de capas de cartão dirigidas às crianças e jovens pela Kuvaninga cartão d´arte. Juntam-se ao evento, a declamação de poesia e música acústica.


Depois de há dois anos ter publicado “Passos de Magia ao Sol”, pela Escola Portuguesa de Moçambique e com ilustrações de Bárbara Marques, sai agora pela Kuvaninga um livro que para o autor é pretexto de conversa com o tempo, “no sentido de a palavra sempre ser renovada em função do que pretendemos transmitir e pode ser uma arma para vencer a ignorância, a insegurança e a solidão” refere.


Descortinando o título do livro, Brito entende algo luminoso como algo construtivo, que desperta o sentido da palavra, enquanto algo bom e brilhante, “porque a palavra é algo que nos liga há muito desde a nossa existência, apresentada de várias formas” e a medida que vamos, através dela, crescendo descobrimos outras nuances da vida, da sobrevivência e do amor. É pelo poder da palavra – o poder decorativo, meditativo, poder de transmitir emoções e sentimentos e o poder de (poder) atravessar o tempo e o espaço – que encontramos neste livro a pertinência deste título.
No olhar de Dionísio Bahule, prefaciador da obra, Brito “não se isola dos problemas doutros homens. Fica atento; aprecia; sente e convida a todos a olharem pela Poesia os problemas que nos rodeiam”.

Sobre o autor

Mauro Brito nasceu nos anos noventa em Nampula. Fez teatro de rua, dança e tirou brevet, tornando-se piloto de aeronaves, como se a casa tivesse encontrado o seu inquilino. Também estudou contabilidade e auditoria, mas esse foi o ensejo traído pelo espírito digressivo que empresta aos livros infanto-juvenis que vai escrevendo. Publicou há dois anos o seu primeiro livro, "Passos de Magia ao Sol", ilustrado por Bárbara Marques e editado pela Escola Portuguesa de Moçambique. Colaborou com vários jornais e revistas, como Missanga, Debate, Blecaute, Cultura e Literatas. A sua paixão estende-se ao ativismo ambiental, cerâmica e fotografia.  Aventura-se neste segundo título: "O Luminoso Vôo das Palavras”.

Sobre a editora

A Kuvaninga cartão d’arte é uma editora moçambicana, sem fins lucrativos, criada a 10 de Maio de 2012, na cidade de Maputo, e a 27 de Julho do mesmo ano lança as suas primeiras duas obras. A editora usa capas de cartão (papelão reciclado, retalhos de tecido e outros) para cobrir o miolo através de uma linha, um processo feito manualmente. Durante os sete anos de existência, a editora já publicou 24 títulos, entre poesia, contos, romance, drama, crónicas e ensaios de autores moçambicanos e estrangeiros. Trata-se de um processo que para além de estimular novos escritores através da oportunidade dos autores emergentes participarem, leva à consciência da preservação do meio-ambiente, através do reaproveitamento do papelão, como também ensina a amar o belo e a estética através da pintura do papelão e, porque não, a promoção da atividade artesanal.

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail