Embaixada de Portugal em Moçambique

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Presidente da República Portuguesa respondeu positivamente ao pedido de envio de observadores militares para monitorizar cessar-fogo em Moçambique

O Presidente da República Portuguesa respondeu positivamente ao pedido do Presidente da República de Moçambique que solicitava o envio de observadores militares para monitorizar a cessação das hostilidades militares em Moçambique.

Transcreve-se, seguidamente, o anúncio desta decisão:

 

Presidência da República Portuguesa

“No quadro das negociações em curso entre a Renamo e o Governo de Moçambique para cessação das hostilidades militares, o Presidente da República de Moçambique dirigiu uma carta ao Presidente da República em que solicitava que Portugal integrasse, com dois oficiais, a equipa de observadores militares internacionais, que está a ser constituída para monitorizar o cessar-fogo entretanto acordado.

O Presidente da República, em estreita articulação com o Governo, decidiu dar resposta positiva ao pedido do Presidente da República de Moçambique, e que foi hoje transmitida às autoridades moçambicanas.

Esta decisão foi tomada na convicção de que este acordo, que tem por base um compromisso político que importa apoiar, vai ao encontro das legítimas aspirações do povo moçambicano e constitui uma base fundamental para o aprofundamento do processo democrático em curso no país e para o desenvolvimento e progresso de Moçambique”.

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail