Embaixada de Portugal em Moçambique

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Economia

O Centro de Negócios da AICEP em Moçambique, junto da Embaixada de Portugal em Maputo, tem como funções apoiar as relações económicas e comerciais entre Portugal e Moçambique, em particular no que respeita à detecção de oportunidades de negócio para as empresas portuguesas, ao estabelecimento de parcerias empresariais e ao apoio ao investimento de empresas portuguesas no mercado moçambicano.

Contactos

Dra. Ana Maria Rosas
Conselheira Económica da Embaixada e Delegada da AICEP

Av. Julius Nyerere, nº 720, 12º Esq.
4696 -00110 – Maputo

Telefone: (+258) 21 490402 / 490523
Fax: (+258) 21 490203
Email: aicep.maputo@portugalglobal.pt

 

Síntese 

Em 2015, Portugal foi o 4.º principal fornecedor de Moçambique, com um volume de exportações de bens de 355 milhões de euros, destacando-se as Máquinas e Aparelhos, os Metais Comuns, os Produtos Químicos, os Produtos Alimentares e os Combustíveis Minerais, que no seu conjunto totalizam 68% do total exportado. Por outro lado, Portugal foi, no mesmo ano, o 16.º principal cliente das exportações moçambicanas, designadamente de crustáceos, açúcar e tabaco não manufaturado, tendo importado no total aproximadamente 34 milhões de euros.

A balança de serviços é igualmente favorável a Portugal, tendo as nossas exportações ascendido a cerca de 243 milhões de euros, principalmente em serviços prestados às empresas, como construção, consultoria, financeiros, entre outros, enquanto Moçambique exportou 46 milhões de serviços prestados por empresas moçambicanas, particularmente na área do turismo.

No que se refere ao investimento, em 2016, segundo o Centro de Promoção de Investimento (CPI) -entidade responsável pela captação de investimento estrangeiro para Moçambiques –, pela primeira dos últimos 9 anos Portugal não integrou o grupo dos 4 principais países investidores em Moçambique, tendo ocupado a 6.ª posição, com 29 projetos aprovados num total de 26,2 MUS$ e dando origem a 900 novos postos de trabalho

Em termos de fluxos efetivos de capitais, o fluxo de investimento direto líquido de Portugal (IDPE) para Moçambique, ascendeu a 24 milhões de euros em 2015, sendo que no final desse ano o stock de IDPE neste país se situava em cerca de 781 milhões de euros.

É de salientar ainda que a importância da presença portuguesa pode ser avaliada pelo facto de quase 1/3 das 100 maiores empresas moçambicanas terem capital português (segundo a consultora internacional KPMG).

Informação económica relevante sobre Moçambique (AICEP)

No site da AICEP Portugal Global poderá encontrar informações sobre o mercado moçambicano, nomeadamente, a Ficha de Mercado, Síntese de País e Relacionamento Bilateral, bem como o documento Estabelecimento de Empresas. Outra informação relevante pode ser encontrada clicando aqui

 

Outras Fontes de Informação

A fim de obter mais informação poderá consultar sítios na Internet de diversas entidades, tais como: Portal do Governo de Moçambique; CPI – Centro de Promoção de InvestimentosBanco de MoçambiqueInstituto Nacional de Estatística (INE)CTA – Confederação das Associações Económicas de MoçambiqueCâmara de Comércio Portugal – MoçambiqueCâmara de Comércio Moçambique - PortugalACIS – Associação de Comércio e Indústria de Sofala; assim como os seguintes documentos: Guia de Investimento Moçambique (GLM/PLMJ)Guia de Investimento em Moçambique (Cuatrecasas/CGA)Doing Business (MLGTS Legal Circle).