Embaixada de Portugal em Moçambique

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Mensagem de Boas Vindas

02

No dia em que apresentei credenciais a Sua Excelência o Presidente da República de Moçambique Filipe Jacinto Nyusi e assim inicio oficialmente funções como Embaixadora de Portugal em Moçambique é com muito gosto que vos dou as boas-vindas a este espaço que se pretende seja de informação e de divulgação sobre Portugal, mas também de aproximação entre o nosso país e Moçambique.

Neste início do século XXI, a Internet tornou-se um veículo indispensável de comunicação e de aproximação de todos/as aqueles/as que se encontram separados pela distância.

Este sítio que se deseja seja interactivo e por isso aberto às vossas contribuições é também o espaço para a divulgação das actividades e iniciativas de promoção de Portugal levadas a cabo por esta Embaixada, nomeadamente as do Centro Cultural Português, as da Cooperação Portuguesa e do Centro de Negócios da AICEP. Estarão também disponíveis outros elementos de informação relativos aos vários setores em que se desenvolvem as excelentes e diversificadas relações bilaterais entre os dois países, com o objectivo que, creio poder afirmar ser partilhado, de podermos ter mais comércio, mais investimento, mais turismo, mais cultura entre os nossos países.

Por último, podem ainda encontrar os principais links institucionais e económicos que poderão facultar elementos adicionais de consulta e assim contribuir para um melhor conhecimento recíproco dos dois países e laços mais profundos entre os seus cidadãos.

Espero assim que este seja um espaço facilitador nos vossos contactos com os serviços desta Embaixada e com os vários organismos da Administração Pública em Portugal.

Mª Amélia Paiva

Embaixadora de Portugal em Maputo

12 de Outubro de 2016

Ver fotografias da Cerimónia de Apresentação de Cartas Credenciais: 01   02   03    04


 

17ª Edição do Ciclo de Cinema Europeu | Maputo – 3 a 13 de maio

Na 17ª edição do Ciclo de Cinema Europeu em Maputo,  Portugal participará com o filme "Índice Médio de Felicidade", de Joaquim Leitão, que será apresentado no dia 5 de maio, às 17h00 e dia 7 de maio, às 19h30, no Centro Cultural Franco-Moçambicano.

O 17.º Ciclo de Cinema Europeu traz o melhor do cinema europeu contemporâneo a Moçambique. Durante o Ciclo serão apresentados 11 filmes europeus produzidos nos últimos anos, muitos dos quais foram premiados e são exibidos aqui pela primeira vez. O Ciclo de Cinema Europeu tem ainda um programa paralelo com Documentários, Workshops, debates e filmes para crianças. Cada ano, o Ciclo de Cinema Europeu é o resultado da colaboração entre várias Embaixadas e Institutos Culturais de países europeus e da Delegação da União Europeia em Moçambique. Nesta 17ª edição, o Ciclo de Cinema Europeu não decorrerá só em Maputo, mas também na Beira e em Quelimane devido ao sucesso da edição do ano passado nestas duas cidades.

Este ano haverá também uma grande Cerimónia de abertura para o Ciclo de Cinema Europeu, com um concerto de entrada livre oferecido pela Embaixada de Espanha em Maputo nos jardins do Hotel Polana Serena. Trata-se do violinista Paco Montalvo, cujo espetáculo “Alma do violino flamenco” decorrerá na terça-feira, dia 02 de Maio, às 20.00h. Paco Montalvo é considerado um dos melhores violinistas do mundo e assim tem sido aclamado no Carnegie Hall de Nova York acompanhado pela New England Symphonic Orchestra.

O Ciclo de Cinema Europeu conta com um website permanente (www.ciclocinemaeuropeu.com) e com uma página de Facebook, (https://www.facebook.com/CicloCinemaEuropeu). Nesta mesma linha, é importante salientar que todas as atividades do Ciclo de Cinema (desde a Cerimónia de Abertura até os filmes e o programa paralelo) são gratuitos.

Ver programa aqui.

Karingana wa karingana: à volta da fogueira ou do telemóvel? Ler e contar estórias na era do smartphone Por ocasião do dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor 23 abril | 18h00 Camões – Centro Cultural Português em Maputo

CartazDiaIntLivroDirAutor

Por ocasião do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, no dia 23 de abril, às 18h00, o Camões – Centro Cultural Português em Maputo acolhe a iniciativa Karingana wa karingana: à volta da fogueira ou do telemóvel? Ler e contar estórias na era do smartphone.

A proliferação de tecnologia móvel e de baixo custo gera a emergência de uma geração que lê em dispositivos móveis e consome literatura digital, em formatos que fazem nascer conceitos novos na produção literária como romances seriados, disponíveis por capítulo e microficção numa tentativa de cativar novos leitores e aumentar os níveis de leitura.

Nas palavras da organizadora da sessão, Sandra Tamele, “os novos modelos de leitura tiveram um enorme sucesso na Ásia, que agora reverbera nos países anglo-saxónicos com o aparecimento de apps como a radish, movellas, hooked e shorti que oferecem aos leitores a conveniência das estórias na ponta dos dedos, acessíveis de qualquer lugar, a qualquer momento, em formato de mensagens SMS. Como pode Moçambique, país onde a tradição oral ainda prevalece, acompanhar estes desenvolvimentos?” Celso Muianga,Paulo Guerreiro, Tavares Cebola e irão debater este tema numa mesa redonda moderada por Sandra Tamele.

No âmbito desta celebração do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, serão partilhadas de sugestões literárias oriundas de Angola, Brasil, Espanha, França, Itália, Moçambique, Portugal, Reino Unido, Rússia e Suíça.

A celebração do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor será acompanhada por intérpretes de língua de sinais.

Esta iniciativa conta com a colaboração das Embaixadas de Angola, Brasil, Espanha, França, Itália, Portugal, Reino Unido, Rússia e Suíça.

LANÇAMENTO DAS OBRAS DISTINGUIDAS PRÉMIO INCM/EUGÉNIO LISBOA 2017 | 17 ABRIL | 18H00 | CAMÕES - CCP MAPUTO

lancamentolivros premioeugeniolisboa

No dia 17 de abril, às 18h00, serão apresentadas no Camões – Centro Cultural Português em Maputo as obras distinguidas na 1.ª edição do Prémio Literário Imprensa Nacional-Casa da Moeda (INCM)/Eugénio Lisboa: mundo grave, de Pedro Pereira Lopes (obra vencedora), e Bebi do Zambeze, de António Manna (menção honrosa).

Após leitura de uma mensagem do patrono do Prémio, Eugénio Lisboa, o escritor Ungulani Ba Ka Khosa, na qualidade de presidente de júri, apresentará a obra Bebi do Zambeze, de Antonio Manna, cabendo a Duarte Azinheira, diretor da unidade de edição da INCMA a apresentação da obra mundo grave, de Pedro Pereira Lopes.

A atriz Assucena Daniel lerá excertos das obras mundo grave e Bebi do Zambeze, numa sessão que contará ainda com a participação do músico Zé Maria.

O júri da 1.ª edição do Prémio INCM/Eugénio Lisboa, constituído pelo escritor Ungulani Ba Ka Khosa, a académica Teresa Manjate e a diretora do Camões – Centro Cultural Português em Maputo, Alexandra Pinho, deliberou, por unanimidade, atribuir o Prémio Literário INCM – Eugénio Lisboa a mundo grave por o autor explorar um género pouco trabalhado em Moçambique e combinar o policial e o fantástico. O júri sublinhou, também, a correção, coerência e coesão linguística da obra da autoria de Pereira Lopes. Por seu turno, ainda segundo o júri, a atribuição de menção honrosa a Bebi do Zambeze deve-se à riqueza do imaginário explorado pelo autor.

O galardão foi instituído em 2017 pela Imprensa Nacional-Casa da Moeda (INCM), com o apoio do Camões, e destina-se a premiar trabalhos inéditos, em prosa, de autores moçambicanos. O Prémio INCM/Eugénio Lisboa contempla a edição da obra vencedora, bem como a atribuição do valor monetário de 5000€ (cinco mil euros) ao vencedor.

Para mais informação, por favor contactar:

Mariana Camarate de Campos - mariana.campos@mne.pt

(+258)21493892

Camões – Centro Cultural Português em Maputo:

Av. Julius Nyerere, nº 720

Maputo

Contactos

Av. Julius Nyerere, nº 720 / 730
4696 – 00110 - Maputo

(00258) 214 903 16 / 19 / 22
maputo@mne.pt

Mais informação

Apoio às vítimas dos incêndios - Fundo Revita

Para mais informações clique aqui para ver

Ligações úteis

Botão Centro Pedido Vistos

Guia do Cidadão Português

Botão Portal Diplomático

Orçamento Participativo Portugal

Espaço Portugal Moçambique

EMP logo

Logotipo AICEP - Portugal Global

Logotipo Turismo de Portugal

Websummit

Logotipo Portal das Comunidades Portuguesas

Conselhos aos viajantes

Registo Viajante

Logotipo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua

Lisboa Capital Iberoamericana da Cultura

Igualdede de Género

Diário da República

Instituto Diplomático

Logotipo Carreiras Internacionais

Logotipo Portugal Economy Probe

Portugal 30 anos na União Europeia

PORDATA