Embaixada de Portugal em Moçambique

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Mensagem de Boas Vindas

02

No dia em que apresentei credenciais a Sua Excelência o Presidente da República de Moçambique Filipe Jacinto Nyusi e assim inicio oficialmente funções como Embaixadora de Portugal em Moçambique é com muito gosto que vos dou as boas-vindas a este espaço que se pretende seja de informação e de divulgação sobre Portugal, mas também de aproximação entre o nosso país e Moçambique.

Neste início do século XXI, a Internet tornou-se um veículo indispensável de comunicação e de aproximação de todos/as aqueles/as que se encontram separados pela distância.

Este sítio que se deseja seja interactivo e por isso aberto às vossas contribuições é também o espaço para a divulgação das actividades e iniciativas de promoção de Portugal levadas a cabo por esta Embaixada, nomeadamente as do Centro Cultural Português, as da Cooperação Portuguesa e do Centro de Negócios da AICEP. Estarão também disponíveis outros elementos de informação relativos aos vários setores em que se desenvolvem as excelentes e diversificadas relações bilaterais entre os dois países, com o objectivo que, creio poder afirmar ser partilhado, de podermos ter mais comércio, mais investimento, mais turismo, mais cultura entre os nossos países.

Por último, podem ainda encontrar os principais links institucionais e económicos que poderão facultar elementos adicionais de consulta e assim contribuir para um melhor conhecimento recíproco dos dois países e laços mais profundos entre os seus cidadãos.

Espero assim que este seja um espaço facilitador nos vossos contactos com os serviços desta Embaixada e com os vários organismos da Administração Pública em Portugal.

Mª Amélia Paiva

Embaixadora de Portugal em Maputo

12 de Outubro de 2016

Ver fotografias da Cerimónia de Apresentação de Cartas Credenciais: 01   02   03    04


 

Conversa com Félix Mula, Gemuce e Rafael Mouzinho no âmbito da exposição individual de Félix Mula – “Idas e Voltas” 18 agosto | 17h00 Camões – Centro Cultural Português em Maputo

CartazFelixConversa2017

No âmbito da exposição  Idas e Voltas, o Camões – Centro Cultural Português em Maputo promove uma conversa entre os artistas Félix Mula, Gemuce e Rafael Mouzinho que terá lugar dia 18 de agosto, às 17h00.

 

O processo criativo de Félix Mula é o ponto de partida desta conversa, através da qual se pretende partilhar encontros, histórias e percursos relevantes para o desenvolvimento do projeto que Félix Mula desenvolve desde 2010.

Idas e Voltas é uma etapa nesse processo em que as memórias de infância e da família, em particular o pai, ganham particular relevo. Na entrevista concedida a Rafael Mouzinho para a exposição Idas e Voltas, apresentada no Museu Berardo (Lisboa), no âmbito do Prémio NOVO BANCO Photo 2016, do qual o artista foi vencedor, Félix Mula explica a importância do seu pai no trabalho que realiza sobre a memória: “O meu pai introduz-me a várias histórias de família e sobre sua terra natal. Mas sobretudo introduz-me na fotografia e, mais tarde – apercebendo-se da minha maturidade -, valoriza a questão de me passar histórias sobre a sua saída da terra natal e chegada a Maputo, e do seu primeiro emprego na família Lee.”

Na véspera do Dia Mundial da Fotografia, iremos abordar possíveis relações da fotografia com a memória, numa conversa em que participam também Rafael Mouzinho, que tem trabalhado de perto com Félix Mula ao longo dos últimos anos, e Gemuce, que foi membro do júri de seleção dos três finalistas do Prémio Novo Banco Photo 2016 e participou, como artista, em várias exposições com Félix Mula. 

Idas e Voltas estará patente no Camões – Centro Cultural Português em Maputo entre 16 de agosto e 13 de outubro, de segunda a sexta-feira, das 11h00 às 18h00.

A exposição conta com o apoio das Páginas Amarelas.

Nota Biográfica:

Félix Mula (Maputo, 1979). Aos treze anos de idade aprende a fotografar com o seu pai, fotógrafo de estúdio. Frequenta a Escola Nacional de Artes Visuais e o Centro de Documentação e Formação Fotográfica, em Maputo, antes de ingressar na Escola Superior de Artes da Ilha de Reunião. É artista plástico e também docente, desde 2012, no Instituto Superior de Artes e Cultura, em Maputo. O seu trabalho ocorre no cruzamento da fotografia, da instalação, e das experiências vividas. Participou em múltiplas exposições e residências artísticas em Moçambique e no estrangeiro.

Gemuce (Quelimane em 1963). Obteve em 1980 uma Licenciatura em Belas Artes no Instituto de Belas Artes de Kiev, Ucrânia. Em 1993 fez um Mestrado em Pintura de Murais na Academia de Belas Artes de Kiev e, em 2001, fez um Mestrado em Conceção, Decisão e Gestão de Projetos Culturais na Universidade FCP3 Sorbonne Nouvelle, em França. Gemuce foi docente na Escola de Artes Visuais (ENAV) e no Instituto Superior de Arte e Cultura (ISArC), em Maputo. Tem obras representadas em várias coleções particulares e públicas, nacionais e estrangeiras. Atualmente, concilia o trabalho de artista com a direção da agência Arte d’Gema, em Maputo.

Rafael Mouzinho (Maputo, 1979). Fez o curso de cerâmica na Escola de Artes Visuais em Maputo entre 1999 e 2005. Mais tarde, entre 2009 e 2012, concluiu a Licenciatura em Artes Visuais no Instituto Superior de Artes e Cultura em Maputo, onde atualmente é docente. Tem conciliado atividades de artista plástico, de curadoria e escrita. Atualmente, é também curador-assistente na Coleção de Arte da Direção de Cultura da Universidade Eduardo Mondlane.

Entrada em vigor da Convenção sobre Segurança Social entre Portugal e Moçambique

Entrou em vigor no dia  1 de Julho a Convenção sobre Segurança Social entre Portugal e Moçambique, na sequência do cumprimento das formalidades internas pelos dois países, nos termos do disposto no Aviso nº 102/2017, publicado na 1ª série do Diário da República, nº 142, de 25 de julho.

A Convenção visa reforçar a proteção social dos trabalhadores migrantes e das suas famílias, em condições de igualdade e reciprocidade entre os dois países, bem como promover a sua integração nas sociedades de acolhimento.

A entrada em vigor desta Convenção permite a comunicabilidade dos sistemas de segurança social dos dois países, obedecendo a vários princípios que visam estabelecer a manutenção de uma carreira contributiva única, independentemente  do trabalhador deixar definitivamente o país onde trabalha, regressando para o país de origem.

Consulte o texto da Convenção aqui.

LANÇAMENTO DO LIVRO "VISÃO" | MANUEL MUTIMUCUIO | 17 AGOSTO | 18H00 | CAMÕES - CENTRO CULTURAL PORTUGUÊS

Cartaz Lancamento Visao

O livro Visão, obra de estreia do escritor Manuel Mutimucuio, será lançado no dia 17 de Agosto, às 18h00, no Camões - Centro Cultural Português em Maputo. A apresentação estará a cargo do escritor Mia Couto.

Trata-se de um romance que retrata o percurso do moçambicano Enoque para tornar conhecida a sua pequena associação, bem como da europeia Agnes Olsson que busca reconhecimento na Europa a partir de um trabalho impactante em África.

Para o autor, a obra pretende “convidar os profissionais da área do desenvolvimento a fazerem uma introspecção sobre a sua cultura”. Nas palavras de António Branco, antigo governante moçambicano, “mais do que uma estória, [o livro] é um testemunho de uma realidade que todos vivenciamos mas que o Manuel, com a notável simplicidade e extraordinária fluidez da sua linguagem, salpicada de cor e fina ironia, contextualiza de forma excepcional”.

Com a chancela da Editorial Fundza, o livro apresenta também uma leitura do filantropo Greg Carr que descreve a obra e o autor nos seguintes termos: “Manuel Mutimucuio entretém e informa com este retrato vivido de personagens intrigantes no submundo da assistência ao desenvolvimento. O autor viu e viveu neste submundo”.

A sessão de lançamento do livro Visão conta com a leitura do declamador Guilherme Roda.

Depois de lançar o livro na cidade de Maputo, o autor vai rumar para a cidade da Beira, onde irá apresentar a obra numa data a definir.

Para mais informação,

Editorial Fundza:  Dany Wambire - 828496849 / editorial.fundza@gmail.com

Camões – Centro Cultural Português em Maputo: Mariana Campos – 21493892 /mariana.campos@mne.pt

Contactos

Av. Julius Nyerere, nº 720 / 730
4696 – 00110 - Maputo

(00258) 214 903 16 / 19 / 22
maputo@mne.pt

Mais informação

Apoio às vítimas dos incêndios - Fundo Revita

Para mais informações clique aqui para ver

Ligações úteis

Lisboa Capital Iberoamericana da Cultura

Diário da República

Portugal 30 anos na União Europeia

Igualdede de Género

Logotipo Portal das Comunidades Portuguesas

Conselhos aos viajantes

Logotipo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua

Logotipo Turismo de Portugal

Websummit

Logotipo AICEP - Portugal Global

EMP logo

IDI

PORDATA

Logotipo Portugal Economy Probe

Logotipo Carreiras Internacionais